Intercâmbios institucionais

1.Intercâmbios de pesquisa:
1.1 Entre UFES, PUCRS, PUCSP, UFRGS e INIE/Cuba
Temos, desde 2008, uma cooperação entre Brasil/Cuba que envolve uma parceria entre PPGPS/UFES, PPGSS (PUCRS), Mestrado em Economia Política (PUCSP), a Universidade de Havana e o Instituto de Estudos Econômicos (Cuba). Conta com financiamento do CNPq (Edital Casadinho) e conta com recursos financeiros de R$ 280.000,00.
Caracteriza-se como proposta interinstitucional e internacional que tem possibilitado a todos os parceiros envolvidos um avanço no debate e sistematização sobre os sistemas de proteção social brasileiro e cubano. Assim, este projeto possibilita o fortalecimento de grupos de pesquisa e a consolidação dos três Programas de Pós-Graduação brasileiros (dois em Serviço Social – UFES e PUCRS, e um em Economia Política – PUCSP).
Este intercâmbio envolveu missões brasileiras e cubanas e a realização de Seminários. O tema é o estudo dos sistemas de proteção social brasileiro e cubano. Seu objetivo central é estudar os sistemas de proteção social de Cuba e Brasil com vista a identificar similitudes e diferenças que possam auxiliar no aprimoramento das políticas sociais em cada país.
O projeto priorizou a cooperação científica. Partindo do pressuposto de que cooperação constitui-se em ato ou efeito de cooperar; forma de ajudar as pessoas a atingir um objetivo; onde duas ou mais pessoas trabalham em função de um bem, a cooperação científica expressou em fortalecimento dos programas envolvidos e aumento da produção científica, expressas abaixo:
a) participação em bancas de defesa e qualificação de docentes do PPGSS/PUCRS e PPGECOPOL/PUCSP no PPGPS/UFES;
b) publicação do livro eletrônico Sistemas de Proteção Social do Brasil: Bibliografia Seletiva 1985-2008;
c) publicação do livro impresso "Proteção Social no Brasil e em Cuba", lançado em 2012;
d) reflexões e trocas coletivas, que resultarão em produções conjuntas;
Encerrado em 2011, o projeto terá continuidade em 2013 contando com a parceria do ARCIS-Chile e da Universidade de Havana.

1.2 Parceria entre o PPGPS (Grupo de Estudos e Pesquisas em Conjuntura) e o CNRS – Centre National de la Recherche Scientifique (Paris I)
Este Intercâmbio, realizado através do Grupo de estudos, Pesquisas e Análise da conjuntura econômica (coordenado pelo professor Paulo Nakatani) e o professor Remy Herrera (pesquisador do CNRS National Centre for Scientific Research), professor na Universidade de Paris I (Panthéon-Sorbonne) e coordenador do Forum Mundial das alternativas (FMA).

1.3 Parceria entre o PPGPS e a PUCSP
Através de divulgação científica entre os professores Paulo Nakatani e Maurício Sabadini e o Grupo de Pesquisa Política para o Desenvolvimento Humano (Faz parte do Diretório de Grupos do CNPq).

1.4 Parceria entre PPGPS e Observatório Internacional de la crisis
Além de colaborar para a organização do site do Observatório Internacional da Dívida, já foram publicados, graças a essa parceria, três livros, com edições em Espanhol, Espanhol/Inglês, Italiano e Português. O quarto livro está no prelo e será publicado pela Editora Viejo Topo, de Madrid. É um trabalho que se realiza em cooperação com outros participantes do Brasil, da Espanha, da Costa Rica, da Nicarágua e da França. O Observatório tem recebido apoio e financiamento da Fundação Guido Piccini, da Itália.

1.5 Parceria entre o PPGPS e o Fórum Mundial de Alternativas
O Fórum Mundial das Alternativas (FMA) é uma rede internacional de centros de pesquisa destinada a apoiar projetos emergentes da convergência internacional dos movimentos sociais e outros atores. Para tanto, o FMA constrói espaços de reflexão e coordenação, pondo à disposição dos movimentos sociais e ONGs ferramentas de informação e de análise da mundialização das resistências e contribuindo para a difusão dos conhecimentos das lutas internacionais em curso. Da parceria PPGPS-FMA já resultaram várias publicações de docentes do Programa.

1.6 Colaboração entre PPGPS e Universidade de Renmin (China)
Tal colaboração ocorre por meio da participação de docentes do PPGPS em projeto de pesquisa liderado pelo professor Wen Tiejun, da referida universidade, e pela professora Lau Kin-Chi, da Universidade de Hong Kong, na China. O projeto envolverá um ou dois pesquisadores da China, da India, da África do Sul, da Indonésia, da Turquia, do Brasil e da Venezuela. A pesquisa faz um estudo comparativo do desenvolvimento desses países.

1.7 Integração à Red Iberoamericana para el Estudio de Políticas Sociales
Essa rede foi criada em 2007, durante o IV Congresso Latino-Americano de Ciência Política, realizado em San José, na Costa Rica. Congrega pesquisadores de diversos países latino-americanos — incluindo o Prof. Izildo Corrêa Leite, do PPGPS — voltados à investigação de diversos aspectos das políticas sociais. Essa rede promoveu o Primer Workshop Internacional Particularismo y universalismo en las políticas sociales: el caso de la educación, em Los Polvorines, Província de Buenos Aires, Argentina, em 2009. Os trabalhos então apresentados virão brevemente a público, numa edição conjunta da Universidad Nacional de General Sarmiento (Argentina) e da Universidad Autónoma del Estado de México. A mesma rede foi responsável por uma mesa-redonda (Interpelando las políticas sociales. Dimensiones teórico-metodológicas, éticas e ideológicas de los modelos de protección social en el siglo XXI) no XXIX Congresso Internacional da LASA — Latin American Studies Association/Associação de Estudos Latino-Americanos —, realizado em Toronto, Canadá, em 2010. Os trabalhos apresentados nessa mesa integrarão um dossiê a ser publicado num dos volumes de 2010 da revista Textos & Contextos, da PUCRS.

1.8 Participação no CLACSO
Em 2009, o PPGPS filiou-se ao CLACSO – Conselho Latinoamericano de Ciências Sociais. Essa iniciativa amplia a integração e a cooperação com outros programas e centros de pesquisa ligados à área de conhecimento do PPGPS, bem como fomenta o desenvolvimento profissional, a pesquisa e a pós-graduação. O CLACSO possui 250 centros de pesquisa, com a participação de cerca de 1000 pesquisadores. Agrupa seus órgãos de pesquisa em sete regiões: Brasil e México; Argentina e Uruguai; Chile e Peru; Bolívia e Paraguai; América Central e Caribe; Venezuela, Colômbia e Equador.

1.9 Intercâmbio Internacional de pesquisa
Em 2012 o PPGPS compôs a equipe de pesquisa, com a participação da profa. Maria Lucia Garcia, Civil Engagement in Social Work: Developing Global Models, coordenado pelo professor Gary Spolander (Coventry University – Inglaterra) envolvendo as seguintes universidades: UNIVERSITA DELLA CALABRIA, INSTITUTO UNIVERSITARIO DE LISBOA, Kocaeli Üniversitesi, ST. PETERSBURG STATE POLYTECHNICAL UNIVERSITY, STELLENBOSCH UNIVERSITY, LOYOLA COLLEGE SOCIETY e PPGPS/UFES.
Título: Civil Engagement in Social Work: developing global models
Pesquisa envolve pesquisadores tanto de países membros da União Européia (Itália, Portugal, Espanha e Turquia) quanto não membros (Rússia, África do Sul, Índia, China e Brasil). Do Brasil o PPGPS foi convidado a participar, por meio da professora Maria Lúcia T. Garcia.
Este projeto tem por objetivo analisar o papel do Serviço Social e seu compromisso com a sociedade civil mediante o apoio à comunidade. Pretende examinar a relação dentro do contexto da reforma do Estado de bem-estar social em resposta à reforma neoliberal e as novas iniciativas da gestão pública. O projeto envolve a UE e países associados que estão passando por mudanças sociais e econômicas significativas, nomeadamente Inglaterra, Itália, Portugal, Espanha e Turquia, e países não pertencentes à UE, Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, países com recentes avanços no desenvolvimento econômico. O projeto tem por objetivo estabelecer uma cooperação internacional e mecanismos de comunicação efetiva de intercâmbio sobre o papel do Serviço Social nesses países em articulação com a Sociedade civil.

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910